Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.upf.br/handle/riupf/114
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso
Title: Possibilidade do reconhecimento da união estável putativa como entidade familiar frente os princípios da dignidade da pessoa humana e da afetividade
metadata.dc.creator: Aenlhe, Juliana Annes
metadata.dc.contributor.advisor1: Oltramari, Fernanda
metadata.dc.description.resumo: A presente pesquisa tende a analisar as diversas formas de entidades familiares, levando ao questionamento acerca da possibilidade do reconhecimento das relações paralelas, iniciando por um estudo sobre a evolução da família e de seus comportamentos. Com esse questionamento passa ao exame do concubinato como uma forma de entidade familiar tendo como marco teórico os princípios da dignidade da pessoa humana e da afetividade. Pondera até onde vão os efeitos que o Estado atribui a ditos relacionamentos e quais seriam os limites da intervenção estatal. Discorre ainda sobre as diversas formas de concubinato, concentrando-se no adulterino e discorrendo sobre a divergência dos entendimentos doutrinários e jurisprudenciais nesse sentido, delimitando a preponderância no sentido do reconhecimento da união estável putativa.
Keywords: Direito de família
União estável
Concubinato
metadata.dc.language: por
Citation: Aenlhe, Juliana Annes. Possibilidade do reconhecimento da união estável putativa como entidade familiar frente os princípios da dignidade da pessoa humana e da afetividade. 2011. 71f. Monografia (Bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais). Curso de Direito. Universidade de Passo Fundo, Passo Fundo, RS, 2011.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.upf.br/handle/riupf/114
Issue Date: 12-Jan-2012
Appears in Collections:CDIR - Trabalhos de Conclusão de Curso de Graduação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PF2011JulianaAnnesAenlhe.pdfMonografia Juliana Annes Aenlhe332,73 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.